Justiça foi feita

Justiça foi feita: Investigador de Ipatinga é impronunciado do MP após acusação de homicídio

Na tarde da última terça-feira (23/06) o investigador Ronaldo de Oliveira Andrade fez a cordial visita a direção do Sindpol/MG, que atuou fortemente em sua defesa contra os excessos da Administração.

O policial fez questão de agradecer pessoalmente os dirigentes sindicais pela defesa recebida de todas as circunstâncias da injusta acusação que recaiu sobre ele e dos demais policiais civis de Ipatinga, desde 2013. Após a elucidação dos fatos o policial e outros quatro foram inocentados das acusações.

A direção do Sindpol/MG e o departamento jurídico estão instrumentalizando a defesa administrativa e a redesignação dos policiais para o retorno de suas atividades laborais, bem como as ações de reparação do dano a eles causados.

Justiça foi feita


Na manhã dessa segunda-feira (23/02) o presidente Denilson Martins, diretores e advogados do departamento jurídico do sindicato receberam a visita, em sinal de agradecimento, do investigador Valdemir Dutra da Silva, que agora fora readmitido aos quadros da Polícia Civil de Governador Valadares/MG após ficar 20 anos afastado, por um erro judicial.

O investigador “Vavá” como é popularmente conhecido no Vale do Rio Doce, nunca desistiu e nem se conformou com o processo injusto ao qual ele e seus colegas haviam sido submetidos, e desde que sua demissão foi publicada em 28/12/1995 pelo DOM, nunca parou de lutar e buscar solução, e agora, após intervenção do Sindpol/MG e em grau de revisão administrativa após ter sido absolvido e em grau de recurso em processo criminal, conseguiu através de um processo bem sucedido impetrado pelo Sindpol/MG o seu tão sonhado retorno aos quadros da Polícia Civil, instituição que o mesmo sempre serviu com dignidade.

Em sinal de agradecimento ao bom trabalho prestado e eficiência demonstrada pelo dirigente advogado Dr. Cassiano Pires Valente e seus colegas, bem como, toda a diretoria do sindicato que desde 2004 têm acompanhado todas as fases do seu processo, comparecendo inclusive nas audiências e julgamento do tribunal do júri, o investigador Vavá, veio pessoalmente agradecer e prestar seu testemunho de reconhecimento.

A direção do Sindpol/MG parabeniza o ilustre filiado por sua perseverança, fibra e confiança depositada na direção do sindicato, esse é mais um de tantas centenas de casos que o nosso sindicato “pega, liga, luta e vence”, em defesa individual e coletiva dos nossos filiados. Demonstrando mais uma vez que o Sindpol/MG é verdadeiramente uma entidade que faz sindicalismo forte, ético, verdadeiro, de luta e de resultados.

Você policial civil ou servidor administrativo que ainda não tem filiação sindical, é importante entender que a sua profissão é de risco, e processos ou arguições sempre poderão adver naturalmente, por isso, a certeza de uma entidade sindical forte, organizada, com um departamento jurídico especializado e estruturado para uma pronta e necessária resposta e defesa é mais que importante, é essencial. Filie-se!