Noite fria no acampamento da Polícia Civil

5 de setembro de 2017

Baixa temperatura e muito calor humano no acampamento da Polícia Civil. A diretoria do Sindpol/MG, manifestou total apoio aos excedentes do último concurso de investigador, nesta noite de terça-feira (05/09), visitando o acampamento na porta do Palácio das Mangabeiras, domicílio do Governador.

Diante do atraso e da indefinição em nomear os excedentes do último concurso, a comissão indignada reiniciou um novo acampamento desde o último domingo (03/09), como forma de pressão para que seja apresentado um cronograma de nomeações do quantitativo de excedentes, recompondo os cargos em vacância na instituição Polícia Civil.

Muitas autoridades que residem ou trabalham na região, tem visitado o acampamento e manifestado apoio à causa, pois, enxergam uma polícia judiciária necessitando de fortalecimento e material humano, muitos dos excedentes aproveitaram a presença do presidente do sindicato Denílson Martins e seus assessores, para conhecer e ouvir as histórias e experiências do lendário e respeitado Inspetor Adjunto José Maria de Paula “Cachimbinho”, grande profissional, que marcou época em nossa instituição policial e atual diretor administrativo do Sindpol/MG, que esteve presente no local no início dessa noite.