Notícias

 
 

Governo anuncia novas mudanças no Ipsemg

O Diretor de Mobilização do SINDPOL/MG, Adilson Bispo, participou da reunião do CONES -  Comitê de Negociação Sindical –, na Cidade Administrativa, com a presidente do IPSEMG, Dra. Jomara Alves, onde foi apresentado o novo modelo de gestão do IPSEMG, no dia 1º de fevereiro.

Dentre as mudanças apresentadas, a que se destaca é a contribuição do conjugue no valor de 3,2%, além da contribuição que já é descontada do servidor, que também é de 3,2% dos proventos. Este valor não poderá ultrapassar o teto, que é de R$250,00.
Outro destaque é que filhos com idade superior a 21 anos poderão ser inclusos como dependentes, pagando uma taxa mensal de R$30,00, independente da faixa salarial.

Ressaltamos que o governo já estuda para o segundo semestre como será a cobrança da co-participação, ou seja, o Ipsemg passará a cobrar determinado valor do beneficiário/dependente por procedimentos realizados.
Para maiores informações acesse: www.ipsemg.mg.gov.br, ou ligue no 155 – Lig Minas. Leia a cartilha e vejas as alterações.

SINDPOL/MG
O SINDPOL/MG, através de sua Diretoria Executiva, se posiciona contrário a qualquer tipo de cobrança além dos 3,2% que já são cobrados do servidor. No entendimento do sindicato, o governo poderia ampliar a margem investida por ele no Ipsemg, e não criar uma nova contribuição para o servidor, que em sua imensa maioria, já padece com salários tão baixos.

 
 
 
« Voltar
 
 
jn2