Palavra do presidente

4 de Fevereiro de 2016

Palavra do presidente

Denilson Martins avalia os últimos resultados positivos para a categoria sob a gestão da nova chefia de polícia, do atendimento às reivindicações e demandas do sindicato

As publicações das últimas semanas, sob os atos administrativos da Polícia Civil, denotam uma flagrante celeridade nas ações da nova gestão da Polícia Civil. Publicações de promoções e progressões em atraso, com efeitos retroativos; concessão de benefícios, esforço concentrado para publicação de aposentadorias em atraso há mais de dois anos, aquisição de novas instalações para funcionamento de unidades policiais, convocação de candidatos aprovados no concurso de 2008, barrados por limite de idade; convocação de mil investigadores do concurso de 2014 de uma só vez, abrindo margem para convocações de excedentes, dentre outras medidas, representam para a gestão do sindicato o reflexo de uma melhor sintonia entre o Governo do Estado, a direção da Polícia Civil, no atendimento às reivindicações das entidades de classe legítimas da corporação, em especial o Sindpol/MG. É bem verdade que esse esforço concentrado vem sendo buscado desde outras administrações, mas faltava, realmente, essa maior aproximação do núcleo gestor do Governo do Estado, reconhecendo a necessidade de atenção à Polícia Civil, enquanto instituição permanente da Administração Pública Estadual.

A que se destacar também o mérito da Administração Superior da PCMG ao focar a atenção especial na gestão interna da Instituição, tendo o olhar mais técnico de administração, com ênfase na gestão de pessoal e logística, o que proporciona resultados jurídicos e operacionais na missão finalística da Instituição.

Da parte do Sindpol/MG continuaremos exercendo o profícuo papel de reivindicar, cobrar, ouvir e representar, mas sobre tudo de contribuir para o aprimoramento da máquina pública, com modernização e valorização, para a melhor prestação de serviço de segurança para a sociedade.

Sindpol/MG, sindicato forte, de luta e de resultados!

Palavra do Presidente.