Sindpol/MG encaminha pleito dos excedentes de investigador ao Chefe de Polícia e agenda reunião

2 de fevereiro de 2017

Também na manhã de hoje, (02/02), o presidente Denilson Martins, conforme prévio entendimento com a comissão de excedentes do concurso de investigadores, encaminhou uma reunião com o Chefe de Polícia, Dr. João Octacílio, no sentido de que o mesmo interceda institucionalmente o pleito dos candidatos ao cargo em conjunto com o Sindpol/MG.

O Chefe de Polícia esclareceu a todos a atual conjuntura da Instituição e do Governo do Estado, bem como as dificuldades para atendimento imediato do pleito. Advertiu também aos excedentes sobre os riscos da estratégia adotada pela liderança do movimento, o que pode dificultar ou postergar o atendimento da solicitação. Disse que há interesse institucional pela recomposição do quadro ainda através do presente certame, mas que do ponto de vista legal, o governo se encontra respaldado, mas que se houver um resgate e retomada do diálogo, poderão sim prosseguir.

Dr. João Octacílio se comprometeu em levar, mais uma vez, o pleito dos candidatos, mas que afirmou que é necessário que os mesmos revejam a forma que estão se posicionando e que o sindicato, juntamente coma instituição, tem condições de estabelecer um canal de comunicação com o governo, para que tão logo seja equacionada às limitações de ordem legal e financeira, o governo atenda esta demanda de forma gradual e progressiva.

O presidente Denilson Martins disse que está acompanhando de perto a reivindicação dos concursados e se comprometeu em reunir com os mesmos na sede do Sindpol/MG, nesta sexta-feira (03/02), para maiores encaminhamentos. O Chefe de Polícia indicou o Chefe de Gabinete Dr. Bruno Tasca como interlocutor dessa matéria, nos encaminhamentos que serão tomados doravante. Assim, espera o bom senso e a colaboração de todos para êxito nessa reivindicação.